quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

URUOCA REGISTROU MAIOR VOLUME DE CHUVAS DA REGIÃO NORTE.

Igreja matriz de Uruoca-CE (imagem: reprodução)
Foi da região Norte, o Município que registrou o maior volume de chuvas entre as 7h de terça-feira e 7h de ontem. Na lista das dez de maiores precipitações figuram cinco da região, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). As maiores chuvas banharam Uruoca (26 mm), Granja (25 mm), Chaval (15 mm), Martinópole (12 mm) e Bela Cruz (8 mm). No total, houve registro em 20 cidades.

Em Uruoca, a chuva caiu com vontade, por cerca de uma hora, com pequenas interrupções, molhando a sede do Município, segundo a professora Maria de Jesus de Souza. "O dia passou nublado, com pequenos respingos, mas a chuva começou mesmo por volta das duas da tarde. Ainda não tinha chovido assim, entre dezembro e esse mês de janeiro. Acredito que possa ser sinal de um bom inverno pela frente", espera a professora, que continua na expectativa, por conta de o céu permanecer nublado.

A pré-estação chuvosa, que tem se manifestado em diversas regiões do Estado, desde a segunda quinzena de dezembro último, ainda não chama a atenção dos meteorologistas da Funceme, por estar dentro do esperado para o período. A chuva se deve à atuação de Vórtices Ciclônicos de Altos Níveis (VCAN) e Cavados de Altos Níveis (CAN), fenômenos previstos com antecedência de três a quatro dias, atuando com maior frequência em janeiro.

As características são de forte intensidade, em alguns momentos, mas de pequena durabilidade, sendo precipitações irregulares. "As chuvas mais consistentes deverão chegar ao Ceará lá pela segunda quinzena de fevereiro, se configurando, se tudo correr bem, o início da quadra chuvosa. Aguardamos a manifestação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que persiste sobre a nossa região por maior tempo", afirma o meteorologista da Funceme Raul Fritz.

Ainda segundo a Funceme, há nebulosidade sobre o Estado , sinalizada pela presença de um VCAN. As previsões apontam nebulosidade variável, com chuva no Sul do Estado e possibilidade de precipitação isolada nas demais áreas, ao longo do dia.

"Por enquanto, temos esses sistemas meteorológicos que abrangem áreas menores, a exemplo do que ocorreu em boa parte do Litoral Cearense, nesses últimos dias, encoberto por pequenas pancadas de chuvas", explica Fritz.
Informações: DN/Regional



Postar um comentário