segunda-feira, 4 de outubro de 2021

Facebook tem forte queda na Bolsa após sair do ar

 

Em um dia de instabilidade no acesso às redes sociais do Facebook, as ações da empresa registravam queda 5,83%, às 15h03 desta segunda (4). O Nasdaq, índice da Bolsa americana composto por ações de empresas de tecnologia, recuava 2,38%.

 

De modo geral, o mercado americano opera em viés de baixa devido à possível antecipação para 2022 de um ciclo de alta nos juros básicos do país em resposta à inflação gerada pela escalada de preços de energia no mundo e pela quebra das cadeias de suprimento durante a pandemia, gerando escassez de insumos.

 

Nesse contexto, ações de empresas de tecnologia, bastante populares nos EUA, tendem a perder mais investidores para aplicações atreladas a juros, como os títulos do Tesouro americano. Usuários relatam problemas de acesso ao Facebook, WhatsApp e Instagram nesta segunda.

 

Um pico de queixas foi registrado pelo site Downdetector pouco depois das 12h nas três redes sociais –todas de propriedade do Facebook. Perto das 13h, eram cerca de 44 mil reclamações contra o WhatsApp, 13 mil contra o Instagram e 6.700 contra o Facebook, de acordo com o Downdetector.

(Folhapress)

 

Nenhum comentário: