<>

eiro o POVO

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

PREFEITURA DE MARTINÓPOLE PAGA SALÁRIOS DOS FUNCIONÁRIOS SEM REAJUSTE E CAUSA POLÊMICA


A prefeitura de Martinópole pagou hoje quinta-feira (1) os salários dos servidores públicos municipais lotados na secretaria de educação e cultura do município, referentes ao mês de janeiro, valor depositado nas respectivas contas sem o reajuste salarial.

Assim, os salários dos servidores administrativos lotados na referida secretaria vieram sem reajuste neste mês, causando descontentamento e gerando polêmica em grupos nas redes sociais. Nos bastidores, a quem diga que os salários de vários servidores vieram reduzidos neste mês.

Salário Mínimo

O presidente da República, Michel Temer, assinou no dia 29 de dezembro do ano passado decreto que fixa em R$ 954 o valor do salário mínimo em 2018, aumento de R$ 17 em relação ao valor em vigor em 2017, que era de R$ 937. Conforme decreto presidencial o valor do salario mínimo vale a partir de 1º de janeiro.

Redução de salarial

O decreto de redução em 30% nos salários dos funcionários do primeiro escalão do Prefeito Júnior Fontenele, além de secretários municipais e demais funcionários comissionados e contratados deve se prolongar. A medida foi tomada em outubro de 2017 e conforme decreto teria um prazo de três meses.

Professores

Curiosamente, os salários dos professores municipais, que estão na mesma folha de pagamento da Educação, foram depositados também sem o reajuste 'obrigatório' de 6,81% do piso salarial. Segundo informações não oficiais colhidas pelo Blog, para cumprir Lei do Piso Nacional de Professores será enviada mensagem do Executivo Municipal a Câmara de Vereadores para depois de apreciada ser sancionada pelo prefeito. Até março/abril será pago o Piso de forma retroativa.

Piso Salarial do Magistério

Em dezembro de 2017 o governo federal anunciou um aumento de 6,81% no piso salarial dos professores para 2018. O piso nacional do magistério passará a ser de R$ 2.455,35 para jornada de 40 horas semanais, para professores de nível médio. A portaria que autoriza o aumento foi assinada pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, numa quinta-feira (28).

Com a palavra os citados




Postar um comentário