<>

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

PF investiga compra de votos em campanha de deputado federal eleito em Juazeiro do Norte


Policias federais cumprem mandado na Fundação Leandro Bezerra nesta quinta-feira, 20 (Foto: reprodução/ Facebook)
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira, 20, continuação de força-tarefa contra compra de votos para a candidatura de Pedro Bezerra (PTB), deputado federal eleito em Juazeiro do Norte, na Região do Cariri. O político é filho do prefeito do Município, Arnon Bezerra. A operação teve apoio da Controladoria Geral da União (CGU) e da Justiça Eleitoral.

As investigações dão conta que o então candidato estaria utilizando a máquina pública para favorecer a campanha eleitoral, comprar votos e desviar dinheiro. Segundo nota divulgada pela PF, a operação "apura denúncia de coação grave sobre servidores públicos para votarem e participarem ativamente na campanha eleitoral" do candidato.

Com o nome de Graham Bell, a operação segue os trabalhos da primeira fase, chamada Voto Livre, realizada na véspera do primeiro turno das eleições 2018, no dia 6 de outubro. À época foram apreendidos telefones e computadores, que forneceram material e motivação para a deflagração da segunda fase. A análise dos dados levou à comprovação da "prática de vários crimes eleitorais, entre eles desvio de verbas públicas para caixa 2 e outros conexos, para garantir a eleição do candidato", conforme a PF.

Estão sendo cumpridos mandados na sede Prefeitura de Juazeiro do Norte, na Secretaria do Meio Ambiente do município, na Fundação Leandro Bezerra, além da casa de secretários e empresários em Barbalha, também no Cariri.

Buscas e apreensões também acontem em Viçosa do Ceará, Fortaleza e em um hospital ligado à Fundação Leandro Bezerra no Crato. Coletiva de imprensa para a divulgação de mais informações sobre o caso será realizada ao meio-dia na sede da Polícia Federal de Juazeiro do Norte.
Com informações da repórter / Serena Morais da rádio O POVO CBN/Cariri


Nenhum comentário: