teste

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

Sofrendo em silêncio, garis de Quixadá estão há três meses sem receber salários


O sofrimento dos garis que prestam serviços ao município de Quixadá, estranhamente, é silencioso e já dura 90 dias, pois estão há três meses sem receber seus salários, de acordo com um dos funcionários da empresa responsável pela coleta urbana na Terra dos Monólitos.

Nas rádios locais, as reclamações pela falta de pagamento aos garis não são raras e de acordo com um dos profissionais que entrou em contato com a redação do Monólitos Post, eles não fazem nenhum tipo de movimentação por medo de perseguição. Além disso, não contam com o apoio do Sindicato dos Servidores.

Para quem não lembra, a empresa que faz a coleta de resíduos sólidos de Quixadá é, de acordo com o Ministério Público, uma das envolvidas no escândalo do lixo que levou ao afastamento, por determinação judicial, do atual prefeito, Ilário Marques, em agosto de 2018. O caso foi o maior escândalo de corrupção registrado na Terra dos Monólitos.

O site de noticiais Monólitos Post entrou em contato com o secretário de Trânsito, Cidadania, Segurança e Serviços Públicos, Higo Carlos, mas as ligações não foram atendidas. Já o número do celular do responsável pela empresa de coleta de lixo, até o fechamento da matéria, estava desligado. 
Fonte: Monólitos Post





Nenhum comentário: