teste

quinta-feira, 21 de março de 2019

Carlos Bolsonaro compara a 'ditadura' investigação do STF sobre fake News

Foto reprodução Caio César/CMRJ
Filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL), o vereador carioca Carlos Bolsonaro (PSC) criticou em sua conta no Twitter ações da investigação aberta pelo STF (Supremo Tribunal Federal) para investigar supostos ataques contra os ministros do tribunal.

O inquérito foi anunciado pelo presidente do STF, Dias Toffoli, no início de sessão da Corte na semana passada, com o objetivo de apurar a existência de notícias falsas, denunciações caluniosas e ameaças e crimes contra a honra que envolvem os ministros do Supremo e familiares deles.
Ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal 17/04/2018 REUTERS/Adriano Machado -Foto: Reuters


O ministro Alexandre de Moraes, responsável pelo inquérito, expediu mandados de busca e apreensão e teria determinado o bloqueio de contas em redes sociais de dois alvos da investigação. O inquérito corre sob segredo de Justiça.
Do UOL




Nenhum comentário: