teste

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Com suspeita de meningite viral, estudante de 16 anos morre em Martinópole

Atualizada as 21h30m do 07/06/2019

A direção da  Escola Dário Campos Feijó, onde Antonio Manuel estudava, ainda não emitiu uma nota de pesar lamentando a morte do garoto. (Fotos de Davi Pinheiro)
O estudante do 1º ano da E.E.M. Dário Campos Feijó, Antonio Manuel Cândido de Sousa,  de 16 anos, faleceu na última segunda-feira (3), no município de Martinópole (a 245 Km de Fortaleza), com suspeita de meningite viral. A doença é contagiosa.

Nossa produção tentou contato com a Secretaria Municipal de Saúde de Martinópole, pelo telefone, mas até meio dia de hoje, não havia obtido êxito.

Segundo informações colhidas pelo Acontece, há vários dias o estudante vinha sentindo fortes dores locais, mal-estar, febre, náusea e vômito. Para amenizar as dores, o adolescente havia sido medicado com Dipirona, mas os sintomas sempre retornavam. 
Antonio ao centro juntamente com seus colegas de escola- (imagem: reprodução whatsApp)
Até o momento, não tivemos acesso a Declaração de Óbito que diz a causa da morte, se foi por meningite viral. A Secretaria Municipal de Saúde de Martinópole deve está aguardando os resultados de exames para emitir um laudo oficial.

A meningite viral é uma doença contagiosa e é transmitida de pessoa para pessoa através de gotículas de saliva ou secreção expelidas por indivíduos infectados ao falar, tossir, espirrar ou beijar. Entre os sintomas estão dores no corpo, febre, náusea, manchas vermelhas na pele, ritmo cardíaco acelerado, entre outros.

A Escola Estadual de Ensino Médio Prefeito Dário Campos Feijó, onde Antonio Manuel estudava, ainda não emitiu uma nota de pesar lamentando a morte do garoto. Por causa da suspeita, acredita-se que a direção da Unidade de Ensino aguarda o laudo da Secretaria de Saúde “para que as possíveis providências sejam tomadas, caso forem necessárias”. As aulas não foram suspensas.

Em tempo:

No final da tarde desta sexta-feira, a produção do Acontece teve acesso a Declaração de Óbito, a mesma diz que a causa da morte foi por meningite purulenta aguda, o que é mais grave.

A Secretaria Municipal de Saúde de Martinópole emitiu nota sobre o assunto.




Nenhum comentário: