teste

sábado, 23 de maio de 2020

Sobral e cidades da Região Norte do Ceará recebem reforço policial na fiscalização do decreto de isolamento rígido


Operação de fiscalização do isolamento rígido em Sobral, no Ceará. — Foto: Reprodução TVM
A Região Norte do Ceará recebe reforço policial na fiscalização do cumprimento do decreto estadual para o isolamento social rígido, que segue até 31 de maio em todo o estado a fim de conter a propagação do novo coronavírus. Equipes da Polícia Militar executaram a operação de fiscalização, neste sábado (23), em 84 municípios, sendo o principal deles Sobral. Cerca de 70 policiais foram acionados para reforçar o trabalho. Informaçõa via G1CE.

O Ceará registrou 2.305 óbitos por Covid-19 e 35.070 casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus, de acordo com a plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde (Sesa), atualizada às 9h21 deste sábado (23). Fortaleza, epicentro da pandemia no estado já tem 19.517 pessoas com a doença e 1.573 mortes.

Reforço em Sobral

Só no município de Sobral, 22 policiais que estavam de folga foram convocados para compor a operação. A fiscalização deve ocorrer 24 horas, com agentes distribuídos por turnos, até o fim do decreto.

Ruas do Centro de Sobral foram bloqueadas, entradas e saídas da cidade receberam barreiras sanitárias, com controle do tráfego de veículos. Mas ainda há registro de descumprimento das normas do decreto, que proíbe a abertura do comércio e a circulação de populares para fins não essenciais.

"Estamos aqui na cidade de Sobral pra reforçar o isolamento social pra que a população se conscientize de que coronavírus é uma ameaça real, um inimigo invisível. No mundo todo nós estamos vendo o que tá acontecendo com a população. São vidas que estão se perdendo, e esse decreto se cumprindo muitas pessoas serão salvas e muitas famílias não chorarão seus mortos", disse o coronel Romero Colares, comandante do 3º Comando Regional de Polícia Militar.

Os agentes devem orientar a população sobre as regras do decreto, que proíbe o funcionamento de qualquer atividade formal ou informal que não seja essencial e que venha a aglomerar pessoas. Em caso de resistência, o popular pode ser levado à delegacia.

Entre as atividades essenciais estão serviços de supermercado, farmácia, clínicas da saúde e hospitais, entre outros.

Coronavírus em Sobral

Sobral tem 1.482 casos da Covid-19 e 36 mortes em consequência da doença, segundo dados da Secretaria Municipal da Saúde. Uma delas ocorreu na madrugada deste sábado (23). A vítima foi Manoel Mardônio Carlos, 60 anos. Ele estava internado há cerca de 15 dias no Hospital Regional Norte, em Sobral, e é irmão da secretaria municipal de Saúde de Sobral, Regina Carvalho.



Nenhum comentário: