quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

Desmonte da prefeitura de Tamboril leva ao segundo bloqueio de recursos do município

 

Marcelo Mota-prefeito de Tamboril - Foto: reprodução

O prefeito de Tamboril Marcelo Mota vive um verdadeiro caos financeiro no município provocado pelo desmonte da gestão anterior comandada pelo ex-prefeito Pedro Calisto.

 

Nesta quarta-feira (20/01), o prefeito de Tamboril se deparou com um novo bloqueio de recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) oriundo da falta de pagamento do INSS e retidos pela Receita Federal.

 

Marcelo Mota no início de janeiro teve  R$ 809 mil reais retidos das contas da prefeitura que seriam para pagamento de servidores e fornecedores, neste dia 20 de janeiro, houve um novo bloqueio e as contas ficaram novamente zeradas. O gestor tem relatado à sua preocupação com o pagamento de salário dos servidores, uma vez que os cofres públicos estão vazios por conta das retenções da Receita Federal.

 

A preocupação aumenta, porque já foi detectado que ainda existe outros valores que estão previstos para serem retidos na fonte, R$ 703 mil reais e R$ 390 mil reais, este último, referente a folha de pagamento do 13º salário. O prefeito relata que além dessa dívidas ainda existem outras; falta de pagamento de consignados, pensão alimentícia e descontos sindicais.

 

O prefeito destaca que a situação é complicada pelo engessamento do município que perde total capacidade de investimentos, além da inadimplência que impossibilita a gestão de trazer recursos para Tamboril.

 

Marcelo Mota diz que o município vai tomar as medidas legais cabíveis para que a população não seja a maior prejudicada.

 

Os desmontes realizados nas prefeituras no final do ano passado nos municípios cearenses é alvo de investigação do Ministério Público Estadual. A sociedade cobra maior rigor nas investigações, uma vez que os municípios estão impossibilitados de darem sequência a serviços essenciais e principalmente, por se tratar de situações atípicas, em virtude da maior crise de saúde pública que o mundo está vivenciando por conta da pandemia do novo coronavírus. Com a palavra o Ministério Público Estadual. 

Acompanhe os dados financeiros do SISBB:


*Noticias do Ceará


Nenhum comentário: