segunda-feira, 31 de maio de 2021

Bolsonaro deu aval para presidente da CBF realizar Copa América no Brasil

 

Bolsonaro e Caboclo discutiram a realização da Copa América no Brasil (LUCAS FIGUEIREDO/CBF)

O Brasil vai sediar a Copa América depois da desistência do governo argentino. As entidades confirmaram a autorização nesta segunda-feira, 31.

 

A Conmebol e a CBF consultaram o governo federal, na ocasião, o presidente da República Jair Bolsonaro autorizou a realização da competição no solo brasileiro. As datas continuam as mesmas, de 11 de junho a 10 de julho deste ano.

 

O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, elogiou a agilidade e capacidade do governo brasileiro na  realocação da Copa América, confirmada nesta segunda-feira (31).

 

De acordo com a entidade, houve uma conversa direta entre o presidente da CBF, Rogério Caboclo, e o presidente da República, Jair Bolsonaro para a realização do torneio no Brasil. Relatos apontam que Bolsonaro teria "apoiado a iniciativa de imediato", com aval dos Ministérios da Casa Civil, da Saúde, Relações Exteriores e da Secretaria Nacional de Esporte.

 

- O governo do Brasil demonstrou agilidade e capacidade de decisão em um momento fundamental para o futebol sul-americano - disse Alejandro, em comunicado da Conmebol.

 

- O Brasil vive um momento de estabilidade, tem comprovada infraestrutura, experiência acumulada e recente para organizar uma competição dessa magnitude – acrescentou o presidente da entidade.

 

A sede ainda não foi divulgada. As cidades definidas para receber a competição são Natal, Brasília, Recife e Manaus.

*Com informações IGesportes

Nenhum comentário: