quinta-feira, 6 de maio de 2021

Meninas levadas por pai em Jijoca de Jericoacoara são encontradas pela polícia na Bahia

 

Policiais viajaram até a Bahia pra resgatar as crianças — Foto: Polícia Civil do Ceará/WhatsApp

A Polícia Civil do Ceará encontrou, nesta quinta-feira (6), na Bahia, as duas crianças que foram levadas pelo pai no último domingo (2), em Jijoca de Jericoacoara.


As duas meninas, de 3 e 4 anos, foram localizadas por policiais civis do Ceará que viajaram até a cidade de Senhor do Bonfim, onde elas estavam com o pai. A ação contou com o apoio da Polícia Civil da Bahia.

 

O homem foi preso e, com ele, foram apreendidas duas armas - um revólver calibre 38 e uma pistola calibre 22 - e a quantia de R$ 12 mil. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) organiza o retorno das crianças para o Ceará.

 

Desaparecimento


Segundo o padastro das crianças, Jefferson Leitão Gadelha, as meninas foram deixadas por ele na casa do pai na última sexta-feira (30). No domingo (2), quando ele foi buscar as enteadas por volta das 19h, como ficou combinado com o pai, a residência estava fechada e não havia ninguém no local.

Mãe afirma que ex-companheiro fugiu com as duas filhas (Foto: reprodução/redes sociais)

A enfermeira Ana Caroline Santos Gadelha Leitão, mãe das meninas, afirma que ainda ligou para o suspeito, não conseguiu contato. "O celular dele estava desligado, o WhatsApp dele com a última visualização na sexta-feira. Nenhum familiar dele tem notícia, a família dele é da Bahia, ninguém viu", disse.

 

No mesmo dia, segundo Jefferson, ele e a mãe das garotas foram a Delegacia Regional de Camocim, plantonista da região, onde registraram um Boletim de Ocorrência.

 Leiam também: Mãe mobiliza redes sociais à procura das filhas desaparecidas

Somente na segunda-feira a noite, conforme o padrasto, a juíza autorizou que a polícia entrasse na residência do pai das crianças. Nenhum pertence do homem ou das meninas foi encontrado no local. Além disso, Jefferson relata que o HD que armazena as imagens das câmeras de segurança foi levado pelo homem, que também queimou alguns documentos. 

Com G1



Nenhum comentário: