sexta-feira, 6 de agosto de 2021

Nova Russas: Justiça Eleitoral julga improcedente ações que pediam a cassação da prefeita Giordanna Mano e do vice Anderson Pedrosa

 

Além da prefeita Giordanna Mano e do vice-prefeito Anderson Pedrosa, também faziam parte das ações com pedidos de inelegibilidade por oito anos o ex-prefeito Rafael Pedrosa e o deputado federal Júnior Mano (PL-CE). Foto: reprodução

O juiz da 48ª Zona Eleitoral de Nova Russas, Luiz Eduardo Viana Pequeno, julgou improcedente as Ações de Investigação Judicial Eleitoral por abuso de Poder Econômico e Político contra a prefeita de Nova Russas, Giordanna Mano (PL) e do vice-prefeito Anderson Pedrosa.

 

Eram duas ações, uma do Ministério Público com objetivo de apurar condutas relativas a abuso de poder  político, abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio. E uma outra ação apresentada por o candidato derrotado nas eleições de 2020, Francisco Pedro Gonçalves de Souza Ximenes, que tinha por objetivo apurar abuso de poder político e condutas vedadas.

 

Na decisão o juiz, Luiz Eduardo Viana Pequeno, destaca que os documentos e provas testemunhais produzidos não vislumbram prova cabal da prática de abuso de poder, de conduta vedada ou mesmo de captação ilícita de sufrágio em relação aos promovidos. Ele acrescenta ainda que ao analisar detida e isoladamente cada uma das condutas apontadas pelos autores, não se logrou êxito em comprovar, com a robustez necessária à aplicação das graves sanções eleitorais e os ilícitos imputados nas duas ações.

 

Além da prefeita Giordanna Mano e do vice-prefeito Anderson Pedrosa, também faziam parte das ações com pedidos de inelegibilidade por oito anos o ex-prefeito Rafael Pedrosa e o deputado federal Júnior Mano (PL-CE).

 

O magistrado julgou improcedente as duas ações alegando a inexistência de provas robustas das ocorrências de abuso de poder político, abuso de poder econômico, captação ilícita de sufrágio e condutas vedadas capazes de macular a normalidade e legitimidade das eleições em Nova Russas.

Ceará Noticias

Nenhum comentário: