terça-feira, 22 de fevereiro de 2022

Enel suspende temporariamente cobrança a provedores de internet

 

Enel não vai cobrar uso de postes aos provedores de internet em março, mas vai manter a taxa de forma gradual, no Ceará

A Enel decidiu nesta terça-feira (22) suspender a cobrança a provedores de internet por equipamentos adicionais instalados nos postes de energia elétrica. A decisão foi tomada após reunião da concessionária com representantes das empresas de telecomunicações, realizada na Assembleia Legislativa.

 

No encontro também ficou definida a criação de um grupo de trabalho para discutir formas de negociar a cobrança. A Assembleia Legislativa, a Agência Reguladora do Estado do Ceará (Arce) e a Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint) atuarão como mediadoras.

 

“A cobrança pode inviabilizar a prestação dos serviços dos provedores. Além do prejuízo econômico, haverá impacto social negativo. Há um grave risco de retrocesso da inclusão digital, um serviço fundamental em tempos de pandemia”, apontou o deputado estadual Acrísio Sena. Ele também mencionou o temor dos empresários do setor de uma quebradeira em massa, caso as novas tarifas sejam postas em práticas.

 

Tem alguns dias que a Enel vem numa queda de braço com os provedores e as entidades que os representam. Ela alega que a cobrança está prevista em contrato. Os provedores dizem que já existe uma cobrança paga pelas empresas de telecomunicações. Caso a taxa da Enel entre em vigor, esse valor subirá em seis vezes, inviabilizando a atividade das empresas de médio e pequeno porte, defendem os representantes das companhias.

 

 

 

 

 

Nenhum comentário: