<>

eiro o POVO

domingo, 4 de novembro de 2018

Lojas do Becco do Cotovelo estão sendo arrombadas todas as noites


Todos os comerciantes do Becco do Cotovelo, cartão postal da cidade de Sobral, têm um relato a contar sobre arrombamentos em seus pontos comerciais. Os roubos além de deixar a sensação de insegurança na cidade governada por um dos filho da família FG, deixa a sensação que está mesmo entregue a bandidagem sem que nada de concreto seja feito.

A última vítima dessa onda de arrombamento, foi o Rodrigo, proprietário da Lanchonete que leva o nome da cidade "Sobral". Na noite da quinta-feira para sexta-feira - Dia de Finados, dois arrombadores que frequentam o Becco durante o dia pedindo esmola, tentaram adentrar no estabelecimento, arrombando um dos portões, o ato só não foi concretizado porque dois vigilantes perceberam a ação e agiram rápido. Os suspeitos foram detidos e levados para a Delegacia de Polícia Civil, mas acabaram sendo liberados minutos depois, enquanto a vítima teve que ficar por mais de duas horas, até o encerramento do TCO.
Na semana passada, crime semelhante já havia sido registrado no restaurante que fica em frente a Lanchonete Sobral, vários objetos foram levados.

Relatos de lojas arrombadas no Centro Comercial de Sobral foi tema do vereador Zé Vital, na terça-feira, na Câmara Municipal que ao registrar o arrombamento de uma loja próximo ao Banco do Brasil, ainda cobrou o uso das câmeras de fiscalização do trânsito no combate a outros crimes, entre eles os arrombamentos na calada da noite.
Com informações: Blog Wilson Gomes





Postar um comentário