<>

eiro o POVO

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Consórcio de saúde: MP comprova nepotismo envolvendo filha do prefeito de Chaval


O Ministério Público do Estado do Ceará apresentou ação civil pública de improbidade administrativa com pedido de liminar contra o Presidente do Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Camocim, Júnior Fontenele (Prefeito de Martinópole) e Leontina Gomes Veras (Diretora-Técnica do Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Camocim), pela prática de nepotismo cruzado.

O procedimento se iniciou com a denúncia de que Leontina Veras (à direita na foto) havia sido nomeada para o cargo por ser filha do Prefeito de Chaval, Sebastião Veras (à esquerda), integrante do consórcio.
Após análise minuciosa por parte do Ministério Público, por meio das informações fornecidas pelo órgão, ficou comprovada a prática de nepotismo.

Na ação, o Promotor Plínio Augusto pede ao Juiz de Chaval a suspensão imediata da nomeação de Leontina Veras.  "O fato é de notória gravidade", disse o promotor.

Esta noticia havia sido dada na Tv Verdade no dia 22 de dezembro, mas como o judiciário estava de recesso, tínhamos detalhes da informação.

Veja o conteúdo da Ação clicando AQUI.
*Com informações: Camocim Online


Nenhum comentário: