<>

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

MPCE pede afastamento de Elvira Veras, por improbidade administrativa na Crede 3 de Acaraú


Maurício Holanda deu aval para Elvira Veras rodar 260 km diariamente por três anos (foto: reprodução)
O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através da Promotoria de Acaraú, está na cola do ex-secretário de Educação do Estado Maurício Holanda e da ex-coordenadora da Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (CREDE – 3 em Acaraú), hoje na Crede 04, Elvira Maria Fernandes Veras. De acordo com o Ministério Público, Elvira usava carro da Secretaria de Educação do Ceará para ir trabalhar. O problema é que ela mora em Camocim e a CREDE 3 fica em Acaraú — distância de 260 km por dia (ida e volta).

Esse percurso foi feito de segunda a sexta no período de 22 de abril de 2015 a 5 de novembro de 2018, totalizando 277.215 km, ou seja, daria para dar seis voltas ao redor da Terra. além do carro, ela tinha a sua disposição motorista do órgão. As viagens foram confirmadas em depoimentos.

Entre outras coisas, o MPCE pede o Afastamento de Elvira Maria Fernandes Veras do cargo de coordenadora da CREDE – 3, cargo que ela deixou para ocupar a Crede 04 em Camocim, condenação dos demandados, Elvira e Maurício Holanda, à suspensão de seus direitos políticos pela prática de improbidade administrativa, ressarcimento do erário, pagamento de multa, e à proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios.
*O Acaraú com informações do CN7




Nenhum comentário: