<>

sexta-feira, 12 de julho de 2019

Funcionária da Guanabara de Sobral erra e quem paga pelo erro é a passageira


Imagem: reprodução internet
Um erro na data da viagem, em bilhete emitido por uma funcionária de uns dos guichês, de atendimento da Expresso Guanabara de Sobral, levou uma passageira, a passar por momentos de aborrecimentos praticada por outra funcionária da Expresso Guanabara.
A cena da falta de cortesia com a passageira foi registrada no início da noite de quarta-feira, por volta das 18h, quando a passageira de iniciais G. M. R.C. procurou o serviço de venda de passagem, para reclamar o erro cometido pela funcionária, uma vez que a viagem deveria acontecer na tarde de quinta-feira, e não quarta-feira, como foi emitido os dois bilhetes de passagens.

Na busca de uma solução foi esbarrada, por outro mal atendimento. A funcionária que se recusou a se identificar, demonstrou total falta de interesse em solucionar o caso,  e que nada poderia fazer. Depois de muita insistência a empregada da Guanabara, informou que faria a mudança mas que seria cobrada uma taxa, pela emissão do novo bilhete de passagem.

Com a recusa da passageira, que não pagaria a taxa, pois o erro foi da empresa, a funcionária abandonou o guichê, e o atendimento. No momento em que se a passageira se sentiu que era obrigada em pagar a taxa, outra norma irritante. Só poderia fazer a troca do segundo bilhete, se a irmã da passageira, que também havia adquirida a passagem estivesse ali, presente, na frente da funcionária.

O público que estava aguardando atendimento denunciava que sempre é abusado por funcionários da Guanabara, que não usam o bom senso para prestar um serviço de qualidade.

Depois de quase uma hora de negociação, a passagem com a data correta, foi emitida.
A Expressso Guanabara tem sido alvo de crítica, pela maioria dos sobralenses, desde quando a empresa assumiu a administração do Terminal Rodoviário, cedido na época pelo então prefeito Cid Gomes.
Com informações Blog do Wilson Gomes




Nenhum comentário: