teste

segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Praias de Camocim amanhecem sujas devido a um fenômeno da natureza


As Praias do Pote e das Barreiras, em Camocim, litoral oeste do Ceará, amanheceram com uma grande quantidade de algas na areia, principalmente na área entre o porto das canoas e o Pontal do farol, nesta segunda-feira (9). Foto Karen Alcântara – Blog Acontece
Uma grande quantidade de algas mudou o cenário de algumas praias, em Camocim, litoral oeste do Ceará nesta segunda-feira (9). A faixa de areia que vai da praia do Pote, onde fica o porto das canoas até a praia das barreiras ficou um tapete de algas, em alguns locais formou-se até paredões.
Algas cobrem parte da areia na Praia do Pote — Foto Karen Alcântara – Blog Acontece
A produção do Acontece pesquisou sobre o assunto. Este é um fenômeno natural que está associado a tempestades e ventos fortes porque as algas que param na areia da praia se desprendem do fundo do mar dependendo das condições climáticas.

O fenômeno natural não representa riscos, de acordo com especialistas.
Tapete de algas cobre faixa de areia na Praia de Camocim — Foto Karen Alcântara – Blog Acontece 
Neste período, a pesca de redes fica comprometida, pois as algas engancham nas redes, ficam pesadas e difícil de manejar.

Conforme informações colhidas pelo acontece, o pescado fresco no mercado de Camocim estava estava escasso nesta segunda-feira. 

Quem usa redes de arrasto neste período, principalmente, na pesca de camarão, não consegue arrastar as redes por ficarem muito pesadas, cheias de algas o que dá muito trabalho para retirar o pescado e fazer a limpeza das redes para serem reposta no mar.

Uma curiosidade é que este fenômeno da natureza pode desaparecer de um dia para o outro. Há casos em que a praia está limpa, mas quando a maré baixa a praia fica cheia de algas e na vazante seguinte pode ficar completamente limpa.


Nenhum comentário: