teste

quarta-feira, 3 de junho de 2020

Polícia civil do Ceará deflagra operação de combate à superfaturamento na compra de EPI's em hospitais de Fortaleza e região metropolitana

No total, a Polícia Civil cumpre nove mandados de busca e apreensão - sendo dois nos hospitais, quatro em empresas e três nas residências dos proprietários dessas empresas que pertencem a um mesmo grupo familiar.

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia de Combate a Corrupção (Decor), deflagrou, na manhã de hoje (03), uma operação de combate ao superfaturamento de preços de aquisição de equipamentos de proteção individual (EPI). A investigação é sobre um processo de compras realizadas para o Hospital da Mulher de Fortaleza e o outro para o Hospital Municipal de Maracanaú. No total, a Polícia Civil cumpre nove mandados de busca e apreensão - sendo dois nos hospitais, quatro em empresas e três nas residências dos proprietários dessas empresas que pertencem a um mesmo grupo familiar. As ações ocorrem em Fortaleza e Região Metropolitana de Fortaleza.

No total, 48 policiais civis dos Departamentos de Recuperação de Ativos (DRA), Técnico Operacional (DTO), Polícia Judiciária Especializada (DPJE), da Capital (DPJC), Metropolitana (DPJM), de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) participam da operação, além de equipes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). A ação está em andamento. Mais detalhes serão divulgados ao longo do dia.
 *G1CE


Nenhum comentário: