teste

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Justiça condena Delegado Cavalcante a pagar R$ 5 mil para Heitor Freire por propaganda antecipada negativa

 


A juíza da 118ª Zona Eleitoral de Fortaleza, Mirian Porto, condenou o deputado estadual Delegado Cavalcante (PSL) a pagar multa de R$ 5 mil ao prefeiturável Heitor Freire (PSL), por fazer propaganda antecipada negativa contra Freire em setembro. Os dois são correligionários e romperam politicamente ainda em 2019. Desde então, trocam farpas.

 

A magistrada já havia determinado no mês de setembro, a remoção da publicação no Facebook de uma entrevista do deputado Delegado Cavalcante (PSL) com acusações ao deputado Heitor Freire (PSL), candidato na disputa em Fortaleza. Para ela, houve ofensa à honra e à dignidade do candidato com “informações inverídicas”. Cavalcante tem dois dias para apresentar defesa.


Nenhum comentário: