quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

Pastor Davi Góes diz ser vítima de fake news sobre vacina contra Covid

 

O pastor Davi Góes, do Ministério Canaã da Assembleia de Deus, em Fortaleza, concedeu entrevista, nesta quarta-feira (16), ao programa de rádio Ceará News, transmitido pela Rede Plus FM. Ele abordou a repercussão de sua fala sobre a vacina chinesa contra a covid-19.

 

Segundo o pastor, pegaram uma fala de uma hora e meia em um culto e editaram para quatro minutos, tirando-a de contexto. Ele estava explicando que cientistas renomados de diferentes países suspeitam da eficácia da vacina, e que também acreditam em malefícios futuros que ela pode trazer para quem a tomar.

 

“Eu assisti a um vídeo de uma autor chamado Lamartine Posella, em que ele fala do vídeo de um cientista francês, e ele fala da seriedade da vacina, pois ela irá mudar o DNA e o RNA. E que o vírus do HIV também estará dentro dessa vacina, e trará doenças irreversíveis, como o câncer. Então não foi eu quem disse isso aí”, esclareceu Davi Góes.

 

Vítima de edição

 

O pastor enfatizou: “O vídeo que circula na internet foi cortado, editado e maldosamente publicado. Eu não fiz fake news, como as matérias estão dizendo. Alguém editou quatro minutos de uma mensagem de uma hora e meia e postou isso como fake news”.

 

Posição sobre a vacina

 

Davi Góes declarou que, como cidadão brasileiro, ele está querendo a aprovação da vacina pela Anvisa e pelo Ministério da Saúde.

 

“Eu sou totalmente a favor da vacina. Agora eu acho que eu tenho o direito de decidir que tipo de vacina eu vou tomar. Já que o país está vendo quatro tipos de vacina, eu posso optar. Olha, eu não quero essa vacina aqui. Porque eu estou vendo alguns estudos me falando dos perigos dela”, disse.

 

Perseguição

 

O pastor do Ministério Canaã lamentou ser de vítima de perseguição religiosa e política, e que desde segunda-feira é atacado injustamente nas redes sociais.

 

“Graças a Deus que o Ministério Público acolheu a denúncia e vai averiguar. E eu creio na imparcialidade do Ministério Público que, quando assistir ao vídeo, vai ver que eu estou falando dos cientistas. Tudo será esclarecido”, concluiu Davi Góes.

(CN7)

LEIA TAMBÉM: MPCE aciona Justiça e Sesa contra pastor que dissemina fake news sobre vacina chinesa




Nenhum comentário: