quinta-feira, 1 de abril de 2021

Real é a quarta moeda mais desvalorizada do mundo

O Real ficou atrás das moedas do Sudão (Nova Libra Sudanesa), da Líbia (Dinar/Líbia) e da Venezuela (Bolívar Soberano Venezuelano), nestes três meses de 2021.

Um cenário político de muita turbulência e econômico, que gera muitas dúvidas por conta da morosidade na retomada da economia, causa da lentidão no processo de vacinação, são o estopim para o baixo desempenho da moeda nacional frente as demais.

 

De acordo com um levantamento feito pela Austin Rating, a pedido do CNN Brasil Business, o real é a quarta moeda mais desvalorizada do mundo, ficando atrás das moedas do Sudão (Nova Libra Sudanesa), da Líbia (Dinar/Líbia) e da Venezuela (Bolívar Soberano Venezuelano), nestes três meses de 2021. Em 2020, a moeda nacional esteve como sexta colocada.

 

O real sofre desvalorização de 6,45%, durante os três primeiros meses, enquanto que o dólar acumula alta de 8,48% sobre o real. O motivo, além da crise política e econômica no Brasil são os atrativos do tesouro americano (treasuries) com o aumento dos juros pagos pelos papéis, que levam investidores a se interessarem por este mercado.

 

O cenário econômico é espelhado na performance da Bolsa de Valores brasileira, que sofre acumulado de -2%, em comparação com o mesmo período de 2020, que tinha 37% de queda. Além disso, o Ibovespa demonstra considerável perda de todos os principais índices das Américas.



Nenhum comentário: