terça-feira, 15 de junho de 2021

Ex-presidente da Câmara, deputado federal Rodrigo Maia é expulso do DEM

 

Decisão foi tomada nesta segunda-feira (14) por unanimidade;  Maia não disse para qual partido irá - Foto: Pablo Jacob / Agencia O GLobo

A Executiva Nacional do DEM decidiu nesta segunda-feira (14), por unanimidade expulsar o deputado federal e ex-presidente da Câmara, Rodrigo Maia do quadro de filiados da sigla. A expulsão do parlamentar foi baseada, segundo nota do partido, por cometimento de infração disciplinar.

 

Entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) diz que em caso de expulsão o partido não pode pleitear o mandato do parlamentar. Foi o que ocorreu com o deputado Alexandre Frota, em 2019, quando foi expulso do PSL.

 

Maia está no sexto mandato como deputado federal e poderá concluir o mandato em outra sigla. O deputado ainda não disse para qual partido irá migrar.

 

Em pronunciamento em sua redes sociais, Maia direcionou a maior parte de suas críticas para o presidente do partido, ACM Neto, a quem chamou de desleal. “Não só por isso, mas também pela sua deslealdade e falta de caráter, pedi a minha desfiliação. O partido diminuiu. Virou moeda de troca junto ao governo Bolsonaro”, diz.


O deputado encontrava ambiente hostil nas fileiras do partido e já havia manifestado o desejo de sair da sigla. Maia disse mais de uma vez que o DEM mudou o seu programa partidário e que ele sofre grave discriminação internamente.

 

Dentre os entreveros enfrentados por Maia, está o episódio ocorrido na eleição para a presidência da Câmara. O candidato do então presidente da casa era Baleia Rossi (MDB-SP). Contrariando sua  orientação, o DEM declarou neutralidade, liberando a bancada para votar livremente. O pivô da decisão foi o presidente nacional do DEM, ACM Neto.

 

Rodrigo Maia se disse traído por ACM  e que ele “entregou sua cabeça numa bandeja para Bolsonaro”, de quem Maia é desafeto político. ACM se defendeu dizendo que o DEM não causou a derrota de Baleia Rossi e que Maia busca culpados para não admitir seus próprios erros.

 

Leia abaixo a íntegra da nota divulgada pelo DEM nesta segunda:

 

Nota Oficial

 

Em reunião realizada nesta segunda-feira (14), a Executiva Nacional do Democratas decidiu expulsar o deputado Rodrigo Maia (RJ) de seu quadro de filiados.

 

Após garantir o amplo direito de defesa ao parlamentar, os membros da Executiva apreciaram o voto da relatora, deputada Prof. Dorinha.

 

A comissão nacional, à unanimidade de votos, deliberou pelo cometimento de infração disciplinar, e consequente expulsão do deputado.

 

Executiva Nacional do Democratas

Nenhum comentário: