quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

Deputados AJ Albuquerque e Sérgio Aguiar se solidarizam com professora que foi agredida por vereador em Chaval

 

A Professora Mocinha estava nas dependências da câmara, juntamente com uma comissão da Apeoc  (Foto: reprodução)

O Deputado Federal AJ Albuquerque (PP-CE) registrou manifesto de solidariedade à Professora Mocinha, Presidente da Apeoc de Chaval, que foi agredida, verbal e fisicamente, pelo Vereador Nanóia, ex-presidente da câmara.


 "Não devemos tolerar nenhum tipo de violência contra a mulher e devemos respeitar o direito legítimo de cada um defender a sua categoria", pontuou o parlamentar. 

O deputado Estadual Sérgio Aguiar (PDT) também registrou manifesto de solidariedade à Professora. “Expresso minha indignação e repúdio à qualquer violência contra a mulher e aqueles que defendem e lutam pelos direitos de sua categoria.

A Professora Mocinha estava nas dependências da câmara, juntamente com uma comissão da Apeoc.


ENTENDA


Durante sua fala, o vereador e ex-presidente da Câmara Municipal de Chaval, Onofre Magalhães (PDT), conhecido como "Nanóia", cunhado do perfeito, começou a fazer agressões verbais à Professora Maria de Fátima, de mais de 60 anos, conhecida como "Dona Mocinha", Presidente da APEOC em Chaval, que estava acompanhando a votação junto com uma comissão da instituição.

Na Tribuna, vereador Nanóia com mão levantada

Com voz alterada, "Nanóia", questionou a honestidade da professora, acusando-a de "complicar nosso trabalho", além de fazer insinuações à vida pessoal da mesma.


Após o término da sessão, ainda dentro do plenário da Câmara, o citado vereador, segundo testemunhas, partiu para cima da professora, prosseguindo com seu ataque verbal, culminando com um empurrão. Dona Mocinha denunciou o ocorrido à Delegacia de Polícia Civil.

(Com informações adicionais Chavalzada, Camocim Online e sobral de Prima)

 

 


Nenhum comentário: