domingo, 10 de julho de 2022

A sabedoria de Cid vale mais que a inteligência de Ciro

 

Em Cid estão depositadas as últimas esperanças para que se encontre uma saída sem rupturas. Os rachas são sempre traumáticos e o fim mais trágico ainda

Ciro é inteligente. Cid é sábio. Existe uma diferença entre tomar decisões inteligentes e agir com sabedoria. As pessoas inteligentes tem boa memória, compreensão fácil, capacidade intelectual, raciocino rápido e inúmeras habilidades. O sábio, age pela prudência, a ciência e a razão.

 

No processo de escolha do candidato ou candidata do PDT, Cid vem agindo com sabedoria. Às vezes o silêncio fala mais que as palavras. O recolhimento é necessário para ampliar o campo de visão da situação e fazer o uso das capacidades oriundas da sabedoria.

 

Não acredito que Cid seja candidato a governador para salvar a aliança, entre PDT e PT, ele sempre cumpriu seus mandatos até fim ao longo da sua carreira política.

 

O que está em jogo neste momento é a biografia política do irmão Ciro Gomes e a manutenção do grupo politico a frente do governo do Estado. Cid se recolheu porque o momento mexe com a emoção familiar e a prudência de muitos amigos que também teceram a fio toda essa trajetória política. Existe uma dualidade entre a emoção e a razão.

 

Em Cid estão depositadas as últimas esperanças para que se encontre uma saída sem rupturas. Os rachas são sempre traumáticos e o fim mais trágico ainda.

 

Ciro vai para a quarta candidatura a presidente. Seu estilo o ajudou a chegar aonde chegou, mais não o ajudou a crescer, justamente por essa falta de sabedoria na tomada de decisão para unir e não desagregar. Machado de Assis define bem o quanto a natureza política é caprichosa, no capítulo da Ideia Fixa, ao demonstrar, que Bismarck unificou a Alemanha e Cavour não alcançou o mesmo objetivo na Itália.

 

Cid mais do que nunca precisa de prudência e razão, para solucionar um problema que pode significar o fim de um ciclo. Tanto Izolda Cela quanto Roberto Cláudio representam essa continuidade, qualquer decisão movida pela emoção pode também representar o começo de uma nova era, sem os Ferreira Gomes no comando do Estado.

 

Quem sabe do alto da serra da Meruoca, Cid possa fazer valer a máxima de que a sabedoria vale mais que a inteligência.

(Por Reginaldo Silva- Professor, Radialista e Jornalista / Ceará Noticias)

 

 

 

Nenhum comentário: