segunda-feira, 25 de julho de 2022

Ciro cita Judas e critica quem “deserta” por um “carguinho de ministro” em referência a Camilo

 

A convenção estadual do PDT aconteceu no último domingo, 24, confirmou a candidatura de Roberto Cláudio ao governo do Estado. O presidente do PSD, Domingos Filho, concorre a vice. (Foto: reprodução redes sociais)


Na convenção do PDT Ceará no último domingo, 24, o candidato à presidência da República Ciro Gomes (PDT) fez duras críticas ao ex-governador e ex-aliado Camilo Santana (PT). Sem citar o nome do petista, Ciro afirmou que ele “deserta por um carguinho de ministro”.  “O povo não tem culpa da vaidade e da prepotência de lideranças que foram construídas na luta e ao redor desse projeto agora servem para uma ninharia e um punhado de nada ou um carguinho de ministro desertam da humildade da luta do povo, frequentam os caminhos de Judas, mas até Jesus, nosso senhor, filho de Deus, entre 12 amigos apenas tinha um que lhe empurrou a faca beijando seu rosto, quanto mais um pobre, pecador e humilde como eu”, afirmou Ciro Gomes.

 

A convenção estadual do PDT aconteceu no último domingo, 24, confirmou a candidatura de Roberto Cláudio ao governo do Estado. O presidente do PSD, Domingos Filho, concorre a vice.

 

Nas redes sociais, o ex-governador Camilo Santana postou foto de arquivo, dele, com Cid, com a legenda “Amigos que a vida me deu e que ninguém separa. Respeito, carinho e união sempre”.


Em Fortaleza, as ausências mais expressivas da convenção do PDT foram a do senador Cid Gomes – então articulador político do grupo -, do prefeito de Sobral, o irmão Ivo Gomes, e da própria governadora, Izolda Cela. Os três são filiados ao PDT.


Em discurso na convenção que o homologou, Roberto Cláudio (PDT) definiu Izolda Cela (PDT) como “minha amiga”.


Por 55 votos a 29, Roberto Cláudio derrotou a governadora, em votação aberta, em encontro estadual do partido. Também estiveram na pré-campanha, que o ex-prefeito definiu como “linda”, os deputados Mauro Filho e Evandro Leitão.


“Eu, Mauro, Evandro e Izolda saímos dessa pré-campanha muito mais cientes”, afirmou o candidato ao Executivo Estadual.


Sobre o candidato a vice-governador, Domingos Filho (PSD), Roberto Cláudio disse ser um privilégio caminhar ao lado do também candidato, o chamou de “meu irmão” e que seguirão “coladinho um no outro”.


Nenhum comentário: