teste

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Novo aeroporto regional de sobral deverá ser chamado Dr. Luciano de Arruda Coelho

 


O novo aeroporto regional de Sobral receberá a denominação de Aeroporto Dr. Luciano Coelho de Arruda. O Projeto de Lei é de autoria do deputado Romeu Aldigueri (PDT).

O novo terminal, com localização a 13 quilômetros da zona urbana do município, tem uma área de 143 hectares. De acordo com a Secretaria de Infraestrutura do Estado do Ceará, a pista a ser construída terá 1,8 mil metros de extensão e poderá ser expandida futuramente. O atual aeroporto da cidade - Coronel Virgílio Távora, localizado na Avenida Gerardo Rangel não tem condições de expansão e por isso o governo do estado decidiu construir um novo terminal.

 

Luciano de Arruda Coelho, nasceu em Sobral-CE, no dia 4 de maio de 1931. Filho de José Clodoveu de Arruda Coelho e Maria José Eufrásio. Formou-se em Direito em 1954, pela Universidade Federal do Ceará. Ocasião em que encontrou a sua companheira da vida inteira, Maria do Carmo Arruda Coelho, com quem casou-se em julho de 1955. Desta união, nasceram os filhos: Francisco José Clodoveu, Maria Luciana, Hilda Emília, Inácio, Ana Paula, Maria do Carmo e Luciano Filho.

 


Em 1955, tornou-se Promotor de Justiça. Apaixonado por sua terra natal, durante toda vida procurou colaborar de diversas formas para o desenvolvimento desta cidade e a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

 

Em 1960, foi sócio fundador do Rotary Clube de Sobral, clube do qual chegou a ser presidente por duas vezes. Juntamente com outros fundadores desse clube de ação social, participou da constituição do empreendimento de empresas como a INCASA (Indústria de Beneficiamento de Castanha de Caju), COSMAC (empresa de material de construção) e a Lassa, indústria de laticínios.

 

Na Educação, Dr. Luciano Arruda deu sua grande colaboração para a implantação da Universidade Estadual do Vale do Acaraú. Como assessor do então prefeito Jerônimo de Medeiros Prado, foi quem também muito lutou por esta instituição de ensino superior e quem redigiu a lei da criação da UVA. Tempos depois, ingressou como professor e diretor do Curso de Contabilidade da mesma universidade. Nessa trajetória, foi condecorado com o título de Doutor Honoris Causa.

 

Viveu seus últimos anos, enquanto ativo, procurando sempre inteirar-se dos assuntos do cotidiano da cidade, preocupado em ajudar por sua experiência e sensibilidade, a resolver os problemas de Sobral. Momentos diversos em que enaltecia a sua terra natal com o fervor de um apaixonado pelo lugar onde nasceu e escolheu para constituir sua família e viver até os seus últimos dias.

 

Nenhum comentário: