segunda-feira, 18 de julho de 2022

Izolda diz que respeita a decisão do diretório do PDT-CE, mas não cita Roberto Cláudio

 

Todas as atenções se voltam para a governadora Izolda Cela, uma vez que ela tem o comando da caneta até 31 de dezembro de 2022, fato dos mais relevantes e que não pode ser desconsiderado.

O diretório do PDT, negou o direito a reeleição da atual govenadora Izolda Cela e primeira mulher a governar o Ceará, ao anunciar o nome do ex-prefeito Roberto Cláudio para representar o partido na disputa pelo Palácio da Abolição.

 

Nas redes sociais, após o anuncio do partido, Izolda Cela disse que respeita a decisão da legenda, mas, não cita o nome de Roberto Cláudio. Todas as atenções se voltam para a governadora Izolda Cela, uma vez que ela tem o comando da caneta até 31 de dezembro de 2022, fato dos mais relevantes e que não pode ser desconsiderado.

 

“Meu partido PDT decidiu hoje, em reunião de diretório, que não terei o direito a concorrer à reeleição. Respeito a decisão. Seguirei firme, com força e coragem, honrando meu mandato e trabalhando muito pelo nosso Ceará. Sempre com respeito e verdade. A luta continua!” Escreveu Izolda em suas redes sociais.


 

Nenhum comentário: